sexta-feira, dezembro 31, 2010

presente logo de manhã


Quando hoje de manhã abri os estores deparei-me logo com a lembrança de uma promessa de Deus: o Arco Íris. Foi uma bela maneira de terminar o ano, lembrando-nos de que apesar de ouvirmos e vermos catástrofes naturais acontecerem em muitas partes do mundo, e até em Portugal, o mundo não voltará a ser destruído por um dilúvio.

2010 despede-se e damos as boas vindas a 2011

Para nós um ano marcante: o ano do nascimento do nosso primogénito, o ano em que nos dispusemos a ser usados por Deus nesta comunidade Belas Vida e tivemos o privilégio de ver muitos entregarem-se aos pés do criador. Um ano de novos desafios, um ano de grandes alegrias, de algumas dificuldades e lutas mas de muitas vitórias. Um ano muito abençoado. Estamos muito gratos por todos os momentos que passámos juntos, com a família a aumentar, com muitos amigos queridos e pedimos a Deus que abençoe e guarde todos os nossos (amigos, familiares).
Deus vos dê um ano tão abençoado como o nosso que passou! Obrigada a todos por fazerem parte da nossa vida!

domingo, dezembro 12, 2010

passeio à baixa lisboeta






















Ontem de manhã resolvemos ir passear até à baixa de Lisboa. Apanhámos o combóio e lá fomos fazer um belo passeio. Manhã ensolarada, muitas famílias a passear, um tempo muito bem passado.

sexta-feira, dezembro 03, 2010

Quando voltarão as noites inteiras sem acordar 3, 4, 5 vezes a choramingar? Ai estes dentinhos...

sexta-feira, novembro 26, 2010

9 meses de Isaac


ou 18 se contarmos o tempo que passou dentro da barriga. Na consulta de 3ª feira passada fica uma cumplicidade com o médico muito gira. Mesmo estando cheio de sono e já alguma fome (o médico foi pai há pouco tempo e por isso esteve sem dar consultas 1 mês, por isso havia muitas crianças para consulta), esteve sempre bem disposto, deixou ver tudo e mais alguma coisa, esteve super divertido. Percentil 10 de peso e perímetro cefálico mantém-se, de comprimento está no 50. Está espectacular. Sempre bom garfo, mamão, muito curioso, teimoso quanto baste, corre a casa toda de gatas (acabou-se o "sossego") e fica chateado quando lhe dizemos que não pode mexer ou lhe tiramos alguma coisa das mãos. Já teve melhores noites, mas com 6 dentes a nascer ao mesmo tempo é natural que o sono seja um pouco perturbado. Três já têm a pontinha cá fora, os outros 3 estão mesmo a rebentar.
E é este o nosso Isaac que há 9 meses era um "ratinho" que não sabia mamar e que dormia o dia todo. O nosso coração está tão grato pela sua vida.

quarta-feira, novembro 24, 2010

30 anos


já cá moram... dantes parecia que as pessoas que tinham 30 anos eram muito velhas, era uma idade muito distante para mim mas foi num instante enquanto cá cheguei e afinal não sou assim tão velha. Estou muito grata a Deus pelas pessoas que tem colocado no meu caminho nestes 30 anos, algumas mais marcantes e importantes que outras mas a vida é mesmo assim. Sou uma pessoa muito feliz, filha do Rei do Universo, com uma família espectacular, um marido extraordinário e um filho fofo e saudável e Amigos a sério. Que mais posso desejar? Apenas que continue a viver no centro da vontade de Deus porque sei que Ele tem o melhor para mim e aí está a bênção. As tempestades vão certamente chegar, mas passarão porque nEle sou mais que vencedora!

quarta-feira, novembro 17, 2010

às vezes tenho ideias na cabeça que quero escrever no blog mas ou estou deitada ou na casa-de-banho por isso vai passando... e assim estou montes de tempo sem vir aqui dizer nada. E quando venho acabo por não dizer nada de jeito. Fica o desabafo.

sexta-feira, novembro 05, 2010

Na minha consulta de ortopedia

- Vai ter de tomar anti-inflamatório e relaxante muscular... quantos meses tem o bebé?
- 8 meses.
- Ah, então já está na fase do desmame.
- Não, eu quero amamentar até poder e ele querer. Além disso sou dadora de leite do banco de Leite da MAC por isso evito tomar medicamentos.
- Ah, é uma rapariga cheia de sentimentos.
- Se o meu filho precisasse, também gostava que alguém desse leite.
- Sim, há mulheres que não dão nem uma gota ao seu próprio filho.
E é assim que o médico ia dando uma no cravo outra na ferradura...

terça-feira, outubro 26, 2010

8 meses já passaram


O Isaac já passou quase tanto tempo cá fora, como dentro da minha barriga. E é assim que o tempo vai voando... com muitas gargalhadas, sorrisos, soninhos bons, refeições excelentes. É um doce este miúdo. Têm sido 8 meses de muita doçura (e baba, claro). Obrigado Deus!

sábado, outubro 23, 2010

O meu último mês na casa dos 20 começa hoje. De hoje a um mês sou trintona. lol

sexta-feira, outubro 08, 2010

Campanha NUK

Votem aqui no Isaac para ser a próxima cara da campanha da NUK... lol, com as centenas de bebés que estão a concorrer, deve ser deve... mas pronto, votem na mesma, pode ser?

domingo, setembro 26, 2010

7 meses







é verdade, o Isaac faz hoje 7 meses! Como o tempo passa... continua um menino muito simpático, bem disposto, bom garfo e dorminhoco. Na última semana andou constipadito, o que fazia acordá-lo de noite por não conseguir respirar pelo nariz. Continua um belo prato este menino!

segunda-feira, setembro 20, 2010

FINALMENTE o Isaac decidiu dormir uma noite (quase) inteirinha. Adormeceu às 21h30 e só acordou às 6h da manhã... como estávamos a precisar de dormir assim! Agora é continuar filho.

sábado, setembro 18, 2010

há muito tempo


que andava com a pancada que gostava de ter uns sapatos vermelho (p'ra quem não sabe, sou como grande parte das mulheres: gosto muito de sapatos). Não queria gastar muito dinheiro e ainda não tinha encontrado nada que realmente me tivesse encantado. Ontem na feira em Benfica encontrei estes e apaixonei-me... o melhor, o preço: 7,50€. Já percebi que os meus pés se dão bem é com sapatos reles, porque quando comprei uns na Foreva aleijaram-me os pés. enfim...

quarta-feira, setembro 15, 2010

Requisitos da Segurança Social

É tão interessante a prova de condição de recursos que temos de fazer à Segurança Social para continuar a receber o abono de família. Quem já tentou preencher a declaração no serviço Segurança Social Directa já se deve ter rido à brava. Querem que eu me lembre qual o saldo dan nossa conta bancária em Dezembro de 2009 (só podem estar a gozar) e além disso nunca perguntam qual o rendimento mensal do agregado nem sequer pedem o IRS 2009. Resultado: inventei um valor que me pareceu razoável porque não faço mesmo ideia quanto é que tinha na conta naquele mês... ah e resta saber se querem o valor que lá tínhamos no princípio ou no fim do mês. É que para além de ser mês de festas natalícias de certeza, é óbvio que o valor que se tem na conta no início do mês é diferente do do final. Os senhores que pensaram nisto até tiveram uma boa ideia mas a concretização foi um bocado infeliz. Concordo que se queira evitar que os que recebem muito e não declaram, recebam as mesmas prestações sociais daqueles que declaram tudo o que recebem, mas esta forma de fazer prova dos recursos não me parece muito apropriada. Mas pronto estamos no início, um dia isto tudo há-de ser bastante melhor!

terça-feira, setembro 14, 2010

1ª semana





























foi a 1ª semana de trabalho. O Isaac começou a dar umas noites difíceis, coisa que para nós é estranho porque ele sempre dormiu muito bem. Depois de muito pensarmos e conversarmos estamos a chegar à conclusão que esta é uma fase de adaptação do menino ao facto de estar sem nós todo o dia. Então à noite chama por nós e chega a mamar de 2 em 2 horas. É a necessidade do aconchego, não é fome. Acreditamos que seja só uma fase... mas que está a ser difícil, está!
De resto, e tirando o sono atrasado, está tudo a correr bem. A "ama" está a adorar o "trabalho", tira muitas fotografias e manda-nos quase todos os dias. O papá já está de regresso em força, a mamã ainda está a meio gás. De volta à rotina, graças a Deus tudo a correr bem!

terça-feira, setembro 07, 2010

As (mais longas) férias já lá vão...

estamos de regresso à rotina agora com um elemento novo para fazer parte dela. Regressámos ao trabalho ontem e o Isaac ficou com a minha sogra. Apesar de saber que é o melhor sítio onde podia ficar (a seguir a estar comigo em casa, claro), o meu coração apertou-se um bocadinho. Ele ficou super bem, dormiu e comeu bem, brincou muito e está óptimo. Graças a Deus. Está a custar-me um pouco voltar ao trabalho (desde Janeiro que não mexo na tese de doutoramento), mas a vida é mesmo assim e temos de trabalhar (e tenho muita sorte de poder trabalhar em casa).
Entretanto o final das nossas férias foram passadas em Tondela, com uma família muito querida (os Azevedos) que como sempre nos receberam com aquela hospitalidade única. Tivemos no casamento da Débora e do Eduardo, e apesar de ter sido muito bom e termos revisto imensos amigos, tivemos muita pena de não podermos ir ao casamento do Rúben e da Selma. Com tantos fins-de-semana no ano logo decidiram casar todos no mesmo dia :( Estamos muito gratos a Deus por este período de descanso e por nos ter guardado nos tantos Km de estrada que percorremos no nosso país (vimos cada acidente... ui).
Agora é hora de voltar à nossa realidade, às rotinas, ao trabalho, à igreja, à família mais próxima e aos amigos de perto. Deus é bom! Um grande ano lectivo se avista!
Bom recomeço para todos!

segunda-feira, agosto 30, 2010

6 meses




Já passaram alguns dias mas só agora tenho oportunidade de escrever sobre isso. O Isaac fez 6 meses no passado dia 26 e continua óptima, com a graça de Deus. Na consulta do dia 17 deste mês o médico achou-o muito bem. Subiu de percentil no comprimento (está no percentil 75, com 68 cm) e continua no 10 de peso (6,500 Kg). Na semana passada começou a comer sopa e fruta ao jantar e gostou muito. Come bem e por vezes até refila se demoramos muito tempo entre as colheradas. Continua simpático, risonho, bem disposto, gosta de dormir (tem a quem sair) e já brinca imenso com os brinquedos dele. Está um rapaz fofo fofo (deixem-me limpar a baba).


Continuamos de férias, mesmo mesmo na recta final. Na 4ª feira vamos para o Norte, para Tondela, onde iremos ao casamento de uma amiga no Sábado.


Estamos a aproveitar os últimos cartuchos! Nunca tivemos tantas férias como neste ano... não nos podemos habituar.

quinta-feira, agosto 19, 2010

férias, férias, férias

Desde Janeiro que não trabalho... quer dizer, na tese de Doutoramento, porque tenho feito muuuiiiittttaaaa coisa ou não tivesse aceite um novo desafio 6 dias antes do Isaac nascer, e ter tido um filho há quase 6 meses. Bem, isto tudo p'ra dizer que com o papá em casa significa que estamos de férias e se as temos aproveitado bem!
Estivemos uma semana em Água de Madeiros e na semana seguinte estivemos no Juncal, perto da Batalha, Porto de Mós... passeámos muito, aproveitámos o tempo (uns dias melhor que outros). Estes últimos 4 estivemos em Lisboa e amanhã vamos para Góis. O Isaac vai à 1ª concentração motard. Vai ser uma aventura! Na próxima semana estaremos novamente no Juncal, ainda voltamos a Lisboa no último fim-de-semana de Agosto mas depois rumamos novamente a Norte, desta vez até Tondela para um casamento naquele que será o último fim-de-semana de uma loooonnnngggaaa pausa (que me soube muito bem, diga-se!) Dia 6 de Setembro estaremos todos de volta à rotina e o Isaac com uma nova: vai ficar longe de mim durante o dia (já me está a custar). Vai ficar com a avó paterna (e sim, sei que devo estar muito grata porque a maior parte das mães deixam os rebentos em infantários, e custa muito calculo).
Deus tem sido muito muito muito bom para nós! Tem sido um Verão com muitos amigos e família, o que sabe sempre muito bem!

sexta-feira, julho 16, 2010












O papá está fora e nós continuamos cá pelo campo. Têm sido uns dias calmos, com algumas visitas a familiares, alguns passeios e muita risota. Graças a Deus está tudo bem! É tão bom estar em família e poder desfrutar desta paz!

sexta-feira, julho 09, 2010

passeios pela História


Hoje fomos até ao Castelo de Leiria. O 1º monumento histórico que o Isaac visitou. Depois passámos numa loja de música e encontrámos o David Fonseca (a 1ª figura pública que o Isaac conheceu) que nos deu passagem para entrar na Sinfonia.

segunda-feira, julho 05, 2010

Dormir tranquilo


E o Isaac deve ter pensado: "A minha mãe comprou o livro "Dormir Tranquilo" do pediatra Mário Cordeiro, então vou dar-lhe razões para o ter comprado."

E foi assim que a noite passada me levantei quase 10 vezes. Entre mamar, beber água, perder a chucha e sei lá mais o quê temos tido umas noites jeitosas. Ai filho, onde estão aquelas noites em que dormias 8, 10 ou até 12 horas?

sábado, julho 03, 2010

Vacinação

E vinha eu a pensar que vos ia contar como as coisas no centro de saúde correm bem... mas eis que na 5ª feira lá fomos. Subimos no elevador (depois da devida ginástica para fechar o carrinho com uma mão e levar o ovo com o Isaac, a mala dele e a minha no outro braço, sim porque não cabemos os 2 lá dentro se for o carro montado) até ao 2º andar. Toda lançada para tirar uma senha para a vacinação e não as encontro. A enfermeira estava à porta da sala da saúde infantil e diz-me que não há senhas, não há vacinação porque não há sistema. Eu feita parva, ingénua, croma, pergunto:
- "E se não houver sistema 1 mês ou mais, os bebés ficam sem ser vacinados?" à espera de uma solução que já teriam arranjado, a enfermeira responde-me de uma forma muito seca:
- "exactamente. Já estamos sem sistema há 15 dias e não sei quando voltaremos a ter. é melhor telefonar sempre antes de vir. Ah, e não vale a pena ir a outro sítio que os meus colegas não lhe vão dar a vacina".
Já me estava quase a saltar a tampa, quando lhe digo que vamos ao hospital.
-"No hospital não dão vacinas", responde com desdém.
- "Dão sim, nós temos ADSE e vamos aos Lusíadas".
A senhora ficou sem resposta e fechou a porta.
E é assim que o nosso sistema de saúde funciona tão bem... escusado será dizer que o serviço nos lusíadas foi 6 estrelas. Apesar de pagarmos 10 €, a enfermeira teve o cuidado de nos explicar as possíveis reacções com muita calma, sentou o Isaac ao colo do pai, numa poltrona para o efeito para lhe dar a vacina, deu-lhe uma gotinha de sacarose no final (isso achava dispnesável, mas pronto) e fez-nos esperar 20 minutos para ver se não havia alergia ou reacções anormais... enfim.
Quem só tem SNS está lixado. A saúde é gratuita, sim para aqueles que têm saúde, porque quem está doente ou precisa de alguma coisa bem pode morrer à espera de melhores dias.
Desculpem o desabafo mas foi a gota de água.

terça-feira, junho 29, 2010

Uns dias de férias na praia







sabem sempre bem. Cá estamos de novo em Armação de Pêra. O Isaac foi pela 1ª vez à praia e parece que gostou... a água fria nos pés é que não estava nos planos e chorou quando a sentiu, mas depressa se calou. Têm sido uns dias bem calmos (é pena termos de ir embora já amanhã).
Para o ano há mais, se Deus quiser.

quarta-feira, junho 23, 2010

consulta dos 4 meses



O Isaac hoje foi ver o outro Nuno Carreira da vida dele, o pediatra. Está óptimo, subiu ligeiramente de percentil quer no peso (um pouco acima do 10) quer no comprimento (um pouco acima do 50), mantendo apenas o do perímetro cefálico (10). O pediatra disse o que eu queria ouvir: vai continuar com amamentação exclusiva até aos 6 meses. Conversador como sempre, sorridente e bem disposto.


segunda-feira, junho 21, 2010

Chegou o Verão


e na próxima 6ª feira vamos cumprir quase à risca esta imagem (a diferença é que o Isaac ainda não anda, mas de resto... lol). Esperamos calor, sem vento, dias longos que acabam junto ao mar. Estou expectante.

sexta-feira, junho 18, 2010

Ao fazer zapping entre os 8 canais que temos, encontrei na RTP2 uma série para miúdos: As aventuras do supernano que tem um personagem engraçado: o Isaac Neurónio. É pena ter 3 olhos e ser azul. O Sr. Isaac Newton deve dar voltas no caixão ao saber que se inspiraram nele para criar este boneco (que a propósito é um cientista). Mais informações aqui.

terça-feira, junho 15, 2010

1ª recolha


Sinto-me feliz. Deus tem-me dado esta oportunidade e estou feliz por poder ajudar alguém (e sobretudo por poder amamentar o meu filho), desculpem a lamechice mas é assim que me sinto. Ainda hoje no espaço de amamentação do IKEA uma mãe me dizia "já só devo ter leite mais 1 mês, isto deve estar mesmo a acabar. Ele nunca fica satisfeito, tenho de dar-lhe suplemento". Senti a tristeza na voz dela.

Noutro dia uma amiga telefonou-me a pedido de uma prima que queria saber o que eu tinha tomado para voltar a ter leite. Fartei-me de rir. É assim que começam os boatos. Nunca deixei de ter leite, mas o Isaac não pegava bem, andava desorientado e teve de tomar suplemento (coisa que me deixou mesmo triste e a pensar que a culpa era minha). Graças a Deus (sem dúvida) ele deixou de o querer e só mama. Toda a gente diz que isso não é habitual acontecer, mas exactamente o contrário, porque quando os bebés sentem a facilidade do biberon começam a recusar a mama.

O que é que eu (leiga na matéria e pouco experiente) podia dizer-lhe? Disse-lhe para contactar o SOS Amamentação e dei-lhe algumas pequenas dicas que foram úteis para mim (mamar em horário livre; quanto mais mama, mais produz, etc, etc). Gostava de poder ajudá-la mas também não sei mais.


Hoje também no IKEA encontrei a rapariga (nutricionista e conselheira de amamentação) que vai recolher o leite materno a casa para a MAC. Estava a falar com outra rapariga que depois fiquei a saber que era a dadora de leite nº 8. Ficou toda contente quando me viu (e eu ainda mais porque tinha umas perguntas para lhe fazer) e apresentou-me logo o director da empresa que presta este serviço, GEOFAR, e fez questão de lhe dizer: "Esta é aquela dadora nova que doou 9 frascos de 250 ml em 15 dias". Não sei se foi por a conversa ser com um homem mas senti-me uma autêntica "vaca leiteira". Andava para lhe enviar uma mensagem e assim esclareci algumas dúvidas que me surgiram entretanto. O senhor cumprimentou-me efusivamente e disse: "Bem, estou a ver que temos que criar um clube de dadoras no IKEA, vêm todas aqui"... mas que raio de resposta... ri-me e viemos embora.

Ainda no outro dia a recepcionista do consultório da minha obstetra me perguntou se eu estava a amamentar e quando disse que sim, respondeu-me com desdém: "que seca". Achei que nem valia a pena argumentar, para quê cansar-me a explicar as vantagens? Tenho de canalizá-las para o que é essencial.

Isto tudo p'ra dizer que me sinto feliz (já vos tinha dito) e gostava, gostava mesmo, que todas as mães (que assim o desejam) pudessem viver esta experiência que é amamentação. Não vou dizer que às vezes não dá trabalho e apetecia era pegar num biberon (especialmente em locais públicos ou com muita gente à volta), mas até isso que eu via como um bicho de 7 cabeças, acabou por me fazer menos confusão do que eu esperava.

sexta-feira, junho 04, 2010

A nossa afilhada mais nova


completou no dia 2 o primeiro ano de vida... de muita alegria, traquinice, noites mal dormidas, muita barriguinha cheia e muita ternura. Esta miúda é muito engraçada! Parabéns Raquel, que Deus seja sempre o teu escudo e caminho. Parabéns S. e R., que Deus vos oriente a cada dia na educação da vossa herança. Obrigada amigos por nos terem dado este privilégio de acompanhar de perto como cresce esta princesa.

quinta-feira, maio 27, 2010

quarta-feira, maio 26, 2010

3 meses

Sim, já passaram 3 meses desde que Deus nos pôs nas mãos, e no colo, o nosso príncipe. Levei-o à farmácia para o pesar e já está nos cinco e meio (não hei-de ter dores nas costas). Muito risonho, simpático para toda a gente, bem-disposto, dorminhoco (já chega às 10horas por noite). Gosta muito de ver os bonecos pendurados ("fala" com eles e tudo), adora chucha (as únicas vezes que acorda de noite é quando a perde) e gosta muuuuiiiitttttoooo de conversa. Come muito bem (deixou o suplemento dia 14 de Abril por vontade própria) e a partir de hoje vai passar a ter alguns "manos de leite".
Vieram entregar hoje mesmo a bomba eléctrica e um saco cheio de biberons para eu doar leite humano. É um privilégio poder dar a bebés que nascem prematuramente um pouco de nós. Não sei quem serão mas Deus sabe e se até aqui tinha cuidado com o que comia e o que tomava, então a partir de agora os cuidados são ainda maiores já que os prematuros são super frágeis. Espero poder dar durante muito tempo. Não é só o sangue que pode salvar vidas, o leite humano também!
Mamãs recentes pensem nisso. Mais informação aqui e aqui.

terça-feira, maio 11, 2010

Mais um bebé de 2010

Hoje foi a vez do Caleb vir conhecer o mundo cá fora! Parabéns R. e T. (e M., M. e J.). Durante estes meses entregámo-vos várias vezes em oração (como muitos outros o fizeram) e Deus protegeu-vos! Ele é bom (como vocês disseram na mensagem da chegada deste bebé). Que o Seu nome seja exaltado através da tua vida Caleb! Embora não sejamos familiares de sangue, sentimo-vos como família do coração e partilhamos esta alegria profunda!

terça-feira, maio 04, 2010

Hoje voltei à minha obstetra. Nunca pensei que a reacção dela ao ver o Isaac fosse tão efusiva. Tirou-o do carrinho, passeou com ele de um lado para o outro no consultório a falar com ele. Ele super feliz, ria-se, respondia e ela estava completamente abismada como ele palrava e parecia que queria comunicar (e queria mesmo). Pediu-me novamente mil desculpas por não ter estado no meu parto (ela estava de baixa com dois dedos completamente imóveis), mas há coisas que não podemos controlar, por isso disse-lhe isso mesmo. Garanti-lhe que todos me trataram muito bem durante a minha estadia no Amadora-Sintra e que gostei muito do serviço. Agora à noite fui beber um leite com cevada e lembrei-me novamente desses dias... vai parecer-vos estranho mas foram dias bons. As companheiras do quarto com quem ia falando (conversas bem interessantes), as enfermeiras quando vinham à meia-noite por-me a fazer o CTG para ouvir novamente o coração do Isaac que afinal estava quase a nascer. As auxiliares que nos vinham perguntar o que queríamos para o almoço e jantar do dia seguinte, apresentando-nos dois pratos de peixe e carne e várias sobremesas (às vezes tinha de pedir para repetirem porque me perdia em tanta variedade). A visita aos quartos de outras "colegas" que entretanto tinham tido bebé e que conheceramos no refeitório naquele mesmo piso. As piadas que íamos dizendo para espairecer.
Depois do Isaac nascer lembro-me de me irem a empurrar a cama pela enfermaria de obstetrícia e de me ver entrar no melhor quarto que ali havia e de agradecer a Deus por tudo ter corrido tão bem.
Nos dias a seguir ao nascimento do Isaac lembro-me bem dos enfermeiros entrarem no quarto perto da meia-noite mas agora para fazer o teste da glicémia ao bebé. A auxiliar que me ajudou a tomar banho quando vim do recobro (6 horas depois do parto). As auxiliares que vinham limpar o quarto depois do pequeno-almoço (e algumas eram tão simpáticas). A enfermeira S., amiga da nossa amiga R. que trabalha lá no hospital e lhe mandou uma sms a dizer que eu estava naquele serviço, que ela tivesse uma especial atenção à cama 29 (a nossa). As idas diárias ao pediatra a empurrar-mos os berços pelo corredor como quem empurra o carrinho das compras (ríamo-nos sempre porque fazíamos esta comparação). O leitinho com "café" e as bolachas maria que nos traziam por volta das 22h quando tudo estava mais sossegado.
Enfim nunca pensei dizer isto, mas foram tempos bons!

domingo, maio 02, 2010

um país cheio de incoerências

Nas escolas públicas acabaram com o crucifixo pendurado na parede por ser um símbolo religioso, agora as escolas públicas fecham só porque vem cá o papa.
O país não tem dinheiro, a dívida externa é brutal e já se fala num país na falência, e emprestamos à Grécia 2 mil milhões de euros.
Digam-me onde está a coerência disto tudo? Enfim...

quinta-feira, abril 29, 2010

Banco de Leite Materno - MAC

Falei várias vezes nisto logo a seguir ao parto, mas depois nunca mais me lembrei.
Uma reportagem na tv reavivou-me a memória.
Sou dadora de sangue, doei as células do cordão umbilical, por que não doar leite materno?
Inscrevi-me na MAC, dia 18 vou à consulta. Espero poder ajudar alguns bebés prematuros que ali nascem todos os dias e precisam muito desta defesa.
Sugiro às futuras mamãs que, se puderem e quiserem, façam o mesmo.

quarta-feira, abril 28, 2010

consulta de pediatria

Quando se aproxima o dia da consulta de pediatria ando sempre entusiasmada não só porque quero ver como o nosso menino se desenvolveu, mas também porque o médico é super bem disposto e esclarece sempre as nossas dúvidas de forma divertida e "pedagógica".
Quando lhe disse que desde o dia 14 de Abril que o Isaac recusa o suplemento, ele respondeu:
- "Se vos dessem a escolher entre um bife do lombo e um da alcatra, escolhiam o do lombo né? Então, ele já percebeu o que é melhor. No princípio andava um bocado desorientado mas agora já sabe o que é bom!"
E assim aparece no boletim de saúde: aleitamento materno exclusivo!
Engordou 1 Kg e 200 g num mês, está no percentil 10 de peso e de perímetro cefálico (tem uma cabeça de trazer por casa como diz o pediatra), mas de comprimento subiu para o percentil 50. Está bastante comprido, com 58 cm.
Disse para lhe darmos água se ele quisesse, mas se não aceitasse não havia problema pois mamaria mais frequente com o calor. Experimentámos ainda ontem e adorou!
É muito risonho, acorda bem disposto (sai à mãe), é comilão, adora tomar banho e não gosta de estar sozinho.
Voltamos daqui a 2 meses (ao pediatra, não ao blog, espero)!

segunda-feira, abril 26, 2010

2 meses


Há 2 meses que a nossa família cresceu, ficou muito mais rica e muuuuiiiittttoooo mais feliz! Estamos gratos a Deus por esta bênção!

quinta-feira, abril 15, 2010


Ao ver o meu último post, rapidamente percebo que não escrevo nada há quase um mês . Sim, ando mais ocupada, mas não tanto que não dê para escrever, só que não me tem apetecido... nem sei bem porquê.
Estamos bem, muito bem. O Isaac continua um menino sereno, dorminhoco (como se quer num bebé de 1 mês e 3 semanas) e que gosta muito de conversa. Eu acho que ele já se ri propositadamente mas já ouvi dizer que isso só acontece por volta dos 3 meses. Sei que brinco com ele e vejo um grande sorriso, com a boca aberta e aqueles olhos grandes muito atentos. Gosta do papel de parede da sala e da parede verde do quarto dele, olha para elas e ri-se sozinho. É uma docura de miúdo.
Ontem fomos ao oftalmologista pediatra porque parecia que a conjuntivite teimava em voltar, mas afinal é o canal lacrimal entupido. Nada que uma massagem diária não resolva (assim esperamos). A enfermeira que lhe pôs as gotas pediu-lhe para ensinar os meninos de 5 anos a porem gotas sem chorar, ele portou-se lindamente (como sempre).
Estes primeiros tempos têm sido vividos intensamente, muito apaixonados pelo nosso príncipe e orando a Deus que o guarde e nos ensine a ensiná-lo!

terça-feira, março 23, 2010

Dia do Pai - 4 dias depois


O sinal de que já se comemora o dia do pai cá em casa, é que só o refiro aqui no blog passados 4 dias.
Os dois pais da minha vida, o meu e o do meu filho tiveram mais um dia mundial. E se o avô é pai 2 vezes, então o meu pai já vai nas 4.
Sou mesmo abençoada! Foi mais um dia feliz!

quinta-feira, março 18, 2010

20 dias e algumas manhas

É realmente incrível como um ser com apenas 20 dias de vida já tem tantas manhas. Apesar de uma ou outra, o nosso menino porta-se muito bem. De noite mama de 5 em 5 horas, de dia é de 3 em 3. Já passa mais tempo acordado, mas sempre muito sossegado na espreguiçadeira. Espera que falemos com ele, e fica muito atento a ouvir-nos. Gosta muito do banho e nem pia. Quando espirra, faz um "aahhh" no final que nos desmanchamos a rir e quando está a adormecer ri-se imenso. É uma delícia este pequenote. Ah, uma conjuntivite fisiológica apareceu no final da semana passada, mas nada que uma pomadazita não resolva (bem disse a amiga A. R. que o médico iria receitar fucithalmic).

segunda-feira, março 15, 2010

Depois do 1º fim-de-semana no Juncal, hoje fomos novamente ao pediatra para ver se o Isaac tinha engordado desde que toma o suplemento. 220 gramas em 4 dias é dose. Deve ter sido também dos ares do campo. Lol.
Na noite de Sábado para Domingo resolvemos dar-lhe a chucha e não é que gostou muito? Além disso, como está habituado a fazer o esforço de chuchar (sobretudo no final do sono, já perto da mamada), que agora já nem refila quando pega na mama. Nem sabia o que isso era, um bebé que começa a mamar sem choraminguices. Agora começa a mamar serenamente e é sempre a abrir. Depois dá-se o suplemento e está pronto para mais um belo soninho. Esta noite chegou a dormir 5 horas seguidinhas.
É um amor o nosso menino, e nós somos mesmo uns pais do mais babado que há.

sexta-feira, março 12, 2010

reservas de sono


Ainda há uns dias estava a dizer que era bom que o nosso organismo fizesse reservas de sono. Como dormi muito durante a gravidez, sobretudo no princípio e no fim, agora estaria a usar essas reservas para compensar as noites menos bem dormidas. Afinal, o meu pai mostrou-me esta notícia... e não é que isto acontece mesmo. Agora percebo por que não ando tipo zombie todos os dias depois do Isaac nascer.

quinta-feira, março 11, 2010

1ª consulta de pediatria


O Dr. Nuno Carreira foi 5 estrelas. Muito simpático, bem humorado, fez-nos imensas perguntas, esclareceu todas as nossas dúvidas e na hora de observar o Isaac falou primeiro calmamente com ele e depois começou a fazer-lhe as "maldades". O Isaac parece ter gostado dele, portou-se muito bem. Está tudo excelente, excepto o peso. Além de não ter engordado desde que saiu da maternidade, perdeu 20 gramas. Resultado: 30 ml de suplemento depois de mamar.
Agora percebo perfeitamente o que a minha amiga D. sentiu no passado dia 2 de Março quando aconteceu o mesmo com a menina mais nova dela. Para nós como mães é começar a pensar que estamos a falhar nalguma coisa, o nosso leite não lhes dá tudo o que precisam para crescer. Já comecei a ouvir "o teu leite é fraco" e isso pôs-me ainda pior. O médico disse que isso é um mito que se criou e que a culpa não é minha. Fiquei mesmo triste.
Tentámos já dar-lhe o suplemento e se a primeira tentativa não correu bem, a 2ª já está a ser melhor. O papá está empenhado e parece estar a sair-se bem. Na 2ª feira voltamos lá só para ele o pesar, a ver se engordou alguma coisa.
De cada vez que algo não corre como esperado fico a pensar que falhei, mas sei que não pode ser assim. Não controlo nada, os filhos não são nossos e Deus sabe o que faz e permite. Está tudo nas suas mãos!

terça-feira, março 09, 2010

coisas que não fui a tempo de fazer

houve duas coisas que queria muito fazer enquanto estava grávida mas que a pressa do Isaac não permitiu. Uma delas era fazer uma sessão de fotografias de grávida (e estava tudo acertado), e a outra era ir dar umas voltas a pé aqui na zona de Belas para descobrir lugares antigos e tirar umas fotos também, claro. Esta última posso fazer daqui a pouco tempo já com o Isaac no seu popó, mas quanto à outra... vou ter de esperar por uma próxima gravidez (se Deus me conceder esse presente!). A vida é mesmo assim, há alturas certas para fazer as coisas e se as deixamos passar já não voltam.
Uma frase que me lembro muitas vezes: "muitas vezes deixamos que as oportunidades nos passem à porta enquanto estamos ocupados a procurar trevos no quintal".

sexta-feira, março 05, 2010

5 anos


Foi há 5 anos que prometemos fidelidade! Era um dos dias mais felizes das nossas vidas, rodeados de familiares e amigos, prometemos diante de Deus e dos homens cuidar um do outro, na saúde e na doença, na alegria e na tristeza, até que Deus nos chamasse para junto dEle. Têm sido 5 anos muito felizes, com algumas lutas (sem elas a vida não seria a mesma coisa, nós não seríamos os mesmos), com muitas provas de quem Deus é e do que Ele faz.
Este ano fomos presenteados com o melhor: o nosso Isaac. Tem ainda 8 dias de vida e estamos tão apaixonados pelo nosso filho. O meu marido revelou-se um pai extremoso e como ele diz: "ganhei força para tudo". Começou a cozinhar e tudo.
Estou grata a Deus por este caminho já percorrido e peço-Lhe sabedoria para o continuarmos a percorrer da forma que mais Lhe agrade. Que Deus nos guarde sempre!

segunda-feira, março 01, 2010

o regresso a casa durou apenas 12 horas e o Isaac já cá está







Após ter tido alta na 5ª feira passada, eis que às 4h30 da manhã de 6ª entrei em trabalho de parto. Lá fomos para o hospital onde fiquei logo numa sala de dilatação. Comecei o CTG às 7h20, as contracções começaram a ficar mais fortes e às 11h30 levei a epidural. Quando às 13horas digo à médica que estava com uma vontade ENORME de fazer força, ela não queria acreditar que já estava com 9 dedos de dliatação.
"Não pode fazer força ainda, aguente só mais um bocadinho"
Nunca pensei haver algo tão incontrolável. Às 13h42 nascia o nosso príncipe! Depois de limpinho ficou logo nos braços do pai.
Equipa médica fantástica, auxiliares, enfermeiros, médicos, a maioria das pessoas que nos têm atendido e tratado aqui no Amadora-Sintra tem sido espantosa. O serviço é muito bom (apesar da má fama).
Estamos ainda no hospital porque a icterícia resolveu aparecer (apesar dos valores não serem muito elevados). Amanhã o pequenote faz novas análises e depois logo se vê. Está a dormir numa cama toda xpto com luzes azuis, parece um solário ou um carro todo tunning.
A glicémia também andava baixa nos 2 primeiros dias de vida (andava preguiçoso para mamar) mas agora, graças a Deus, subiu e está muito boa. Leite não lhe falta, falta apenas o esforço dele de o puxar, mas um mamilo de silicone tem ajudado e muito.

A todos os que enviaram sms, maisl, telefonaram, oraram, MUITO E MUITO OBRIGADA! SEM DÚVIDA TEMOS SENTIDO AS VOSSAS ORAÇÕES (sim, seria impensável eu estar há 3 noites a dormir uma média de 2horas por noite e estar fresca que nem uma alface).
Vamos dando notícias (conforme for posível).

quinta-feira, fevereiro 25, 2010

De regresso a casa


Depois de 3 dias no "hotel", até estava a habituar-me à boa vida. Não fazer nada, ter tudo feito, comida na mesa (com direito a escolher o prato e sobremesa no dia anterior). No 1º dia as coisas não foram fáceis, não estava mentalizada, mas depois fui conhecendo pessoas, bebés acabados de nascer e acabou por tornar-se um tempo interessante.

No meu quarto as grávidas passavam e iam embora (todas para ter bebé) e eu ia ficando. Ainda na última madrugada chegou uma rapariga já com 40 semanas. Ficámos as três na conversa até
às 5h. Eram 9h da manhã já estava a ir para o bloco.

Afinal tudo acontece com um propósito e se não tivesse lá estado, esta madrugada quando perdi um bocadinho do rolhão (um dos sinais de parto), não saberia o que era e provavelmente teria ido para as urgências desnecessariamente. Agora é esperar.


quarta-feira, fevereiro 24, 2010

CTG com soluços

Hoje no CTG da tarde o Isaac estava com soluços. Temos estado bem, a médica mandou fazer nova eco amanhã e só se confirmar a eco de 2ª, a desaceleração de crescimento, é que induzem o parto. Duvido. Vai ser a médica que me costumava fazer as ecos e o Isaac está bem, mexe muito, tem batimentos cardíacos bons e a barriga está a crescer. Espero amanhã já estar de volta a casa!

terça-feira, fevereiro 23, 2010

Eco e internamento

Ontem pensava que só vinha fazer a ecografia e afinal quando a mostro à médica, ela manda-me cá ficar. Não queria acreditar. Telefonei ao Ricky a chorar. Uma desaceleração no crescimento (que continuo a crer que resulta da forma como fizeram a eco, do observador, da posição do Isaac que não permitiu tirar as medidas da mesma forma, etc), ditaram a minha estadia (talvez por toda a semana) no "hotel" Professor Doutor Fernando Fonseca. O percentil parece ter descido e ela ficou preocupada.
Depois de passado o choque, lá me mentalizei. A médica justificou esta medida porque querendo que eu faça CTG diariamente, era contra-producente andar todos os dias a viajar casa-hospital para o exame. Assim fico cá e pronto.
O Isaac continua mexido, p'ra mim está maior e sei que Deus está a cuidar dele, e de mim!
Aos que entretanto foram sabendo e foram mandando sms e telefonando, muito obrigada! Contamos com as vossas orações.

sexta-feira, fevereiro 19, 2010

O desafio que me colocaram há 9 meses atrás, (tutora online da Universidade Aberta) está prestes a começar. Pergunto-me por que razão não me chamaram para o 1º semestre do ano lectivo mas só agora (logo a coincidir com o nascimento do Isaac), mas o que faria? Dizer que agora não dava muito jeito porque vou ser mãe?! É tudo online, é sobretudo à 2ª feira que tenho de disponibilizar os conteúdos online. É uma oportunidade muito boa (a nível curricular), vai permitir-me ganhar experiência e afinal tenho um Deus que me capacita, que me abriu esta porta, tenho um bom suporte familiar... ou seja, tenho as condições para poder seguir em frente. Não digo que vá ser tudo muito fácil, mas impossível? Acho que não. Das pessoas (amigos e família) com quem tenho falado, têm-me dito que com disciplina, alguma ajuda claro, e empenho hei-de conseguir.
O 2º semestre começa amanhã e termina dia 6 Junho. A 19 Julho é o exame final e aí vou ter mais trabalho a corrigi-los. Oro por sabedoria, capacidade, conhecimento e calma. A paz dEle está comigo.

quarta-feira, fevereiro 17, 2010

1h20 da madrugada

a sirene dos bombeiros toca várias vezes (a chamar os bombeiros da freguesia e arredores), eu levanto-me da cama e o meu marido pergunta-me:
"Onde é que vais?"
A minha vontade era dizer-lhe que ia para os bombeiros, mas não...
"Vou à casa-de-banho, como de costume".
Ai que vontade de rir daquela pergunta.

sexta-feira, fevereiro 12, 2010

35 semanas 5 dias


Hoje lá foi o Isaac novamente à fotografia... desta vez levámos a avó paterna que se deliciou a ver o menino. A médica estranhou eu estar lá passada uma semana de me ter feito a outra eco, e disse que a minha obstetra é muito chata (a "tia Helena" como lhe chama). Desta vez o Isaac mostrou tudo, a médica muito espantada (porque ele normalmente esconde as partes mais íntimas): "até se vê a uretra, olhem p'ra isto que grande pilinha, toda espetada"! Eu já estava a ficar envergonhada.
"Hoje mostra tudo à avó. Mas está com ar sisudo, está a engolir, e de mão na cara como de costume".

Está óptimo, aumentou bem de peso (de 2358 para 2693 Kg), referiu mais uma vez a perna comprida do rapaz e pronto... "esta rapariga já deve ter feito umas 7 ecografias, nós já nos conhecemos bem! A ver se a Dr.ª Helena não a manda cá tão cedo. " (que exagero, com ela só fiz 3). Amanhã vou ter com a médica às urgências para fazer o CTG e mostrar-lhe a eco de hoje.